eSolidar

Colocar a tecnologia ao serviço de uma maior transparência no Setor Social é e sempre foi o principal pilar na base da eSolidar.

1 de Abril de 2020

Nasceu de uma tese de mestrado que pretendia aprofundar o fenómeno da Web 2.0 e o seu impacto no comércio social. A eSolidar começou por ser uma app dentro do facebook, depois como um mercado solidário, entretanto, a tecnologia permitiu que a plataforma fosse crescendo e que se fossem desenvolvendo novas ferramentas e hoje, a eSolidar tornou-se num ecossistema solidário que disponibiliza diversas formas de angariação de fundos e conecta pessoas e empresas às organizações do setor social.


Estão agora a decorrer no eSolidar várias iniciativas que contribuem para minimizar os impactos do Coronavirus. De que forma podemos contribuir?

Participando em leilões solidários específicos do COVID- 19, campanhas de crowdfunding também existem várias a decorrer especificamente para o COVID-19, donativos diretos ou até mesmo compra de artigos solidários das lojas das diversas organizações registadas na plataforma.



IMG


Desde cedo percecionaram que a revolução tecnológica não chegava ao setor social e também, que as entidades que dele fazem parte necessitavam de ferramentas tecnológicas para serem mais eficientes nas várias vertentes das suas missões. A disponibilização desse tipo de ferramentas permite não só dar mais visibilidade, como mais rapidez na angariação de fundos, mais organização e mais informação para aumentarem o alcance e a capacidade de resposta das suas iniciativas.


Tendo sido um dos primeiros projetos a ser alvo de investimento por parte de Business Angels acreditam que “viemos romper com o paradigma de que no setor social não podem existir negócios com fins lucrativos, o que na altura era uma barreira considerável para o nosso modelo de negócio”.

Contando já com seis anos de existência, a eSolidar está perfeitamente estabelecida no mercado nacional sendo reconhecida pelas organizações do setor social, e também pela comunidade, como um meio a considerar, quando pretendem angariar fundos ou divulgar os seus projetos sociais e o impacto dos mesmos.

Fruto do trabalho realizado e da credibilidade conquistada, hoje as empresas nacionais, começam a reconhecer a importância da responsabilidade social no âmbito do desenvolvimento normal da sua atividade. “Mas nem sempre foi assim, o percurso até aqui foi longo, tivemos de enfrentar vários desafios nomeadamente na questão da falta de conhecimento das entidades na utilização das tecnologias da informação e comunicação, bem como pelo facto de termos uma taxa de serviço, o que muitas vezes não era bem recebido por parte das respetivas entidades” afirmam.

Atualmente estão presentes nos EUA, no Brasil e no Reino Unido. “UK foi a nossa primeira experiência, chegámos a contratar pessoas, tivemos também elementos da equipa de Portugal lá, mas o mercado era muito duro e muito difícil de entrar, no entanto foi lá que fizemos algumas parcerias, aprendemos muito e foi também nessa altura que fruto de uma parceria com alunos de MBA da Cass Business School - London que iniciámos o desenvolvimento da nossa solução para empresas. “

Com uma estrutura a funcionar desde abril de 2019, o Brasil tem demostrado ser um mercado de crescimento e receptividade muito interessante, “já conquistámos clientes empresariais e trabalhamos já com muitas ONGs principalmente em S.Paulo e Rio de Janeiro”.

Neste momento estão a fazer uma das maiores campanhas de angariação de fundos para as várias comunidades brasileiras (geralmente conhecidas por favelas) um pouco por todo o Brasil, garantindo a aquisição de bens de higiene e bens alimentares durante a pandemia do COVID-19.

Nos EUA operam através de um parceiro, a America’s Charities, com o qual estabeleceram um acordo de revenda das soluções oferecidas pela plataforma.

Contando, atualmente, com 10 colaboradores a principal preocupação no curto prazo é a expansão do projeto no Brasil, “aumentar a nossa base de clientes a utilizar a solução empresarial, bem como o desenvolvimento e melhoramento de novas funcionalidades dentro deste segmento”.

A médio prazo pretendem conseguir ligar todas as vertentes que a plataforma abrange e criar um verdadeiro ecossistema, onde todos consigam perceber o impacto que as suas ações têm ao ajudar determinado projeto ou organização do setor social. Uma rede social do bem!

Está ainda a surgir, dentro da eSolidar, um novo projeto, prevendo-se ainda para este ano o lançamento do primeiro protótipo. Trata-se de uma infraestrutura descentralizada desenvolvida com recursos a tecnologia blockchain e que trará mais transparência funcionando de forma mais descentralizada. “No futuro quando esta tecnologia estiver mais sólida a mesma poderá ser incorporada pela eSolidar e por outros players chave a nível mundial”.

Soluções eSolidar

Para organizações do setor social - Disponibilizam várias ferramentas de angariação de fundos como os donativos, os leilões solidários, campanhas de crowdfunding, Marketplace solidário e lista de necessidades.

Para empresas - Oferecem uma solução SaaS que permite ligar as empresas com as organizações do setor social e mobilizando as mesmas e os seus colaboradores para apoiar causas sociais. Para isso existem várias ferramentas, como feed social, voluntariado, apoio de necessidades, vouchers solidários, match de donativos, crowdfunding corporativo e um centro estatístico para perceber o impacto causado pelas várias acções desenvolvidas, tanto a nível interno como externo.

Para publico em Geral - As pessoas que podem apoiar as organizações utilizando as diversas fazendo donativos, participando em leilões, comprando produtos, campanhas de crowdfunding e também através das plataformas das empresas que aderem ao nosso produto SaaS.



Artigo em formato PDF

Revista Digital Start&Go


Subscreva esta mailing list para receber a revista em formato digital gratuitamente...